mas então ontem eu fui apresentada a este link aqui e fiquei pirando em coisas extremamente relevantes tipo a comparação entre a largura de um óvulo e de um fio de cabelo e a dancinha da bicamada lipídica quando me deparei com ele. o mimivírus.

e ri para sempre porque oi, tenho sete anos e contaminação por mimivírus explicaria tanta coisa, hein? eu poderia seguir minha vida tranquilamente chorando em lugares públicos e quando perguntassem qual é o meu problema eu saberia responder: é só uma mimivirose, gente. nada grave, nada sério.

mas aí fui toda animada pesquisar e broxei eternamente porque, como sempre, a realidade nunca é tão divertida.

mimimi.