fiquei aqui procurando alguma coisa bonita e inspiradora e motivacional pra grudar nesse post, mas tudo o que tenho vontade de dizer é que além de passar a semana sendo monitora (que é a minha função), sendo secretária (que pensam ser minha função) e quebrando galhos variados pra deus e todo o mundo (isso deve ser porque tenho cara de idiota, mesmo), eu também carreguei caixas. e caixas e caixas. quilos de papel e tralhas subindo e descendo escadas no sol. carreguei uma porra de um carrinho de rolimã, cara. enquanto os 3 homens da equipe tomavam toddynho no ar condicionado. se foder todo mundo. aí chega a sexta-feira e só consigo me arrepender por não ter carregado O DOBRO do peso. porque agora poderia estar na cama desmaiada, e não aqui pensando.

irônico. como todo o resto.