e chegou a sexta-feira, genteeeee! [2]

e eu não tinha nem conseguido largar minha bolsa ainda quando:

- tia, ele ali fica pegando na minha bunda ó.

não precisa nem apontar, meu filho. porque se tem alguém pegando na bunda e/ou pinto dos passantes só pode ser essa pessoa. e você quer que eu faça exatamente o quê? eu fico na dúvida. sério. eu realmente não sei. eu não tô dando conta nem de resolver meus próprios problemas. que são inúmeros. e nem mesmo envolvem pintos. ou bundas. super chato. SUPER CHATO. e a vida é assim, inclusive. essa eterna metáfora pobre de só pegarem na nossa bunda quando a gente não quer. então, sabe. lide com isso. porque piora, viu? piora muito. eu nem vou te contar o quanto fica pior que é pra não te dar spoiler. agora vá sentar e não me aborreça. porque se estivesse sentado não iam conseguir mexer na tua bunda, pra começo de conversa.


(mas não falei, né)

(quer dizer. a última frase talvez eu tenha falado sim. mas de uma forma didático-pedagógica, CLARO.)

(risos)

(ah, vá.)

6 comentários:

  1. ler o seu blog me lembra dos anos em que fui obrigada a estagiar em colégios municipais (fiz colégio normal): uma vez a tia foi trabalhar recorte e colagem com a "família" do CA, então era CA, CO, CU, CÃO.
    Ou seja, piada pronta né.
    Era um tal de "tia, meu CU sumiu!", "tia, roubaram meu CU!", "calma, vê se o CU não caiu no chão..."

    N'outra vez fui obrigada a ficar sozinha o dia todo pq a tia sempre saia pra "tomar um cafezinho" e desaparecia. Na hora de formar pra ir embora, uma moça chega pra mim: tia, como o João se comportou hoje? e eu: caralhos, quem é João? eu lá lembrava? comecei a inventar loucamente que ele tinha sido um amor de criança :-S

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. minha turma ainda é muito novinha para trocadilhos. o que é uma sorte porque eu JAMAIS conseguiria coibir. espírito de porco que sou, ia achar mó legal, hahahahah.


      editei aqui só pra dizer que fuxiquei teu tumblr e gente, tu estuda na urca é? e trabalha/frequenta a biblioteca do ccbb? já nos esbarramos 175 vezes então, fato. :D

      Excluir
  2. Ai moça, quanto mais eu leio seu blog mais eu sinto uma identificação nervosa, e é como se eu estivesse lendo o fantasma do natal futuro.
    E isso não me parece bom. hahaha

    Mas... ao menos sempre há sobre o que escrever, né? Sejamos otimistas. :)

    ResponderExcluir
  3. Celso, Celso... sempre apalpando pirus e poupanças...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahahaah, menino celso como sempre demonstrando seu apreço pelos colegas com seu jeitinho muito peculiar.

      Excluir